2012 - 2016 a Natação Brasileira e o Planejamento Estratégico: Um Caminho Para a Medalha Olímpica

Por: Ricardo de Moura.

22 páginas. 2010 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

O presente trabalho visa destacar a importância do Planejamento Estratégico e a pesquisa de um indicador de resultado, com base em estudos feitos com os resultados dos Jogos Olímpicos de 2008 e o Ranking Mundial do último ciclo olímpico, que aponte um caminho para a conquista da medalha olímpica nos próximos ciclos olímpicos de 2012 e 2016. A Metodologia empregada no presente trabalho partiu do estudo dos resultados do Ranking Mundial de Natação, nas 26 provas olímpicas individuais da natação do último ciclo olímpico: 2004-2007, com o objetivo de acompanhar o desenvolvimento, em nível de classificação, de todos os que chegaram à medalha olímpica em 2008. O indicador é utilizado para estabelecer o padrão de nadadores a ser foco do investimento para os Jogos Olímpicos de 2012 e 2016. O estudo mostrou que os nadadores que conquistaram a medalha olímpica evoluíram, na grande maioria, de forma sistemática no Ranking Mundial nos quatro anos anteriores aos Jogos Olímpicos. Apontou também que os nadadores que conquistaram a medalha de ouro, estavam entre os 10 primeiros classificados no Ranking Mundial no ano anterior aos Jogos Olímpicos.
Palavras-chave: Planejamento Estratégico, Indicador de resultado, Natação, Medalha Olímpica.
 

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.