A Afetividade e o Esporte Escolar: Um Estudo com Técnicos e Atletas de Basquetebol de 13 a 15 Anos

Por: Dulciléia Maria Envagelista Gobbo.

298 páginas. 2015 28/03/2015

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo teve por objetivo investigar a afetividade de atletas e técnicos no ambiente de treinamento de basquetebol escolar. De enfoque qualitativo e quantitativo, que se interligaram, todo o processo de pesquisa caracterizou-se do tipo exploratório descritivo. Partiu-se inicialmente de uma questão problema: Quais são as emoções e sentimentos que surgem nos treinamentos de basquetebol em atletas na faixa etária de 13 a 15 anos, que iniciam sua prática sistemática? A amostra compôs-se de um total de 128 participantes ? 117 atletas do ensino fundamental e médio de 13 a 15 anos e seus 11 respectivos técnicos, de oito instituições de Ensino público e privado de Curitiba, que participam de treinamentos regulares de basquetebol ofertados pelas suas instituições de ensino. Utilizou os seguintes instrumentos de coleta de dados: Questionário Sociodemográfico; Formulário de classificação de critério econômico; e instrumento para a apreensão de afetos Mapa afetivo (VIANA, 2009). A análise dos dados qualitativos, realizada por meio da análise de conteúdo de Bardin (2006), análise e construção dos Mapas Afetivos, segue a metodologia para a apreensão de afetos (BOMFIM, 2003; 2010). Os dados quantitativos foram trabalhados mediante a análise estatística descritiva com o uso do programa Statistical Package Social Sciences (SPSS versão 22). Em função dos resultados obtidos, entende-se que a afetividade no ambiente de treinamento exerce influência potencializadora na ação de atletas e técnicos durante suas atividades esportivas. Sobre as emoções e sentimentos, observou-se que os participantes apontam sentir de mane ira expressiva sentimentos positivos. Para identificar seu ambiente de treinamento, elaboraram as imagens de: Agradabilidade, Pertencimento, Atração e Contraste, todas denotando estima positiva ao ambiente em questão. Os resultados da investigação e identificação das emoções e sentimentos e a sua influência na afetividade podem permitir compreender como atletas e técnicos são afetados e afetam o ambiente de treinamento esportivo e sugerem a importância do incentivo à prática esportiva. Palavras-chave: Esporte. Afetividade. Treinamento. Emoções. Sentimentos. Escola.

Endereço: http://acervodigital.ufpr.br/handle/1884/38204

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.