A Atuação do Professor de Educação Física em Relação à Inclusão Escolar de Alunos com Transtorno do Espectro Autista (tea)

Por: Andreline Limas Soares da Cunha e Marily Oliveira Barbosa.

11° Congresso Brasileiro de Atividade Motora Adaptada - CBAMA

Send to Kindle


Resumo

A atuação do professor de Educação Física é crucial para a inclusão escolar do aluno com Transtorno do Espectro Autista (TEA), visto que as aulas de Educação Física proporcionam o desenvolvimento integral dos alunos, a socialização, a prática de esportes, o trabalho em grupo, entre outros benefícios. Os objetivos desse estudo é desvelar o ponto de vista do professor de Educação Física quanto a inclusão escolar de estudantes com TEA e analisar a participação do aluno com TEA nas aulas de Educação Física, visualizando as estratégias utilizadas pelo professor para possibilitar a participação do aluno com TEA. A pesquisa é de caráter qualitativo com estudo de caso. Houve utilização de entrevista semiestruturada e observações das aulas práticas de educação Física. Para a análise de dados foi utilizado a análise de conteúdo. Os resultados apontam que o professor de Educação física acredita na inclusão escolar e de alguma forma busca a participação do estudante nas aulas, embora haja dificuldades quanto ao planejamento e execução das atividades. Conclui-se que o professor de Educação Física tem dificuldade na utilização de recursos pedagógicos e adaptações no ensino para promover a inclusão do aluno com TEA, apesar de sua busca para acolher todos os estudantes.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.