A Body Art nas Performances de Tales Frey: Reflexões Para a Educação Física

Por: Levir Eugênio Rocha Lima e Rosie Marie Nascimento de Medeiros.

XXI Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e VIII CONICE - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

INTRODUÇÃO

A body art, expressão artística, surgida no Brasil na década de 70, objetivando questionar o conhecimento do corpo, pode ser feita através de várias formas de expressões que englobam, dentre outras, tatuagens, piercings e escarificações; todos esses reunidos em performances, com significados que ultrapassam a finalidade estética, já que o corpo na body art é o local no qual o mundo é questionado. Ela surge como contestação de valores sociais ìmpostos à homogeneização, às relações entre homens e mulheres, à sexualidade. “A intenção deixa de ser a afirmação do belo para ser a provocação da carne, o virar do avesso o corpo, a imposição do nojo ou do horror” 

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.