A Compreensão do Lazer no Planejamento Urbano de Goiania: Aproximações Historicas

Por: Adriana dos Reis Ferreira.

2003 14/02/2003

Send to Kindle


Resumo

Este estudo teve como ponto de partida a problemática do espaço de lazer no processo de urbanização, resultante das intervenções das políticas públicas no município de Goiânia. A pesquisa teve como objetivo (1) investigar como a legislação tratou o lazer e o espaço urbano de Goiânia, desde a sua fundação até o ano de 2000, (2) como a população e o poder público estadual e municipal apropriaram-se dos espaços, buscando uma visão ampla da cidade acerca de sua organização espacial de lazer e (3) encontrar subsídios para a elaboração dos próximos planos de desenvolvimento urbano, visando uma implementação da política pública setorial de lazer. A metodologia adotada na realização desse trabalho foi uma combinação de pesquisa bibliográfica junto às várias bibliotecas de Goiânia e da Unicamp e pesquisa documental realizada junto a Seplan - Secretaria Municipal de Planejamento da Prefeitura de Goiânia. Diante dos resultados encontrados sobre o cenário espacial, foram apontados subsídios para uma política setorial de lazer baseada no referencial teórico de Requixa (1980), que considera em três diretrizes para a formulação de uma política de lazer: aspecto material, tempo e animação sócio-cultural.

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000303247&opt=1

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.