A Consciência dos Usuários das Academias de Ginástica, Eficientes, Eficazes e Eficientes-eficazes Quanto as Conseqüências Anátomofisiológicas e Afetivo-social. (dissertação de Mestrado).

Por: Cláudia Avella Carvalho.

Motus Corporis - v.1 - n.2 - 1994

Send to Kindle


Resumo

0 objetivo deste estudo é investigar o nível de consciência que os usuários das academias de ginástica do Município do Rio de Janeiro, mais especificamente na Zona Oeste e Zona Sul, tem a partir dos serviços que lhes são prestados, podendo elas serem consideradas pelos usuários eficientes, eficazes e eficiente-eficazes, como também os usuários apreciam suas academias sob os aspectos anátomofisiológico e afetivo-social. Foi solicitado a especialistas no assunto que cada um indicasse três academias classificadas como eficientes e três outras classificadas como eficazes, de acordo com premissas previamente fornecidas. Dos dados obtidos foram identificados três grupos de academias: eficientes, eficazes e eficiente-eficazes. das quais, aleatoriamente, foram selecionadas três academias de cada classificação. Cento e oitenta pessoas participaram deste estudo, randomicamente selecionados entre as nove academias escolhidas, de ambos os sexos, com a faixa etária de 20 a 39 anos, que responderam as onze perguntas propostas no questionário, opinando a respeito de cada item. Todas as respostas foram submetidas a análise estatística, principalmente a parte descritiva, além da aplicação do teste X2 (qui-quadrado). Concluiu-se que em todas as quatro afirmativas relativas a classificação das academias como eficientes, estatisticamente, pode ser afirmado que os usuários consideram suas academias como eficientes. Nas academias de ginástica consideradas eficientes, o item de menor importância pelos usuários, foi o número de alunos por turma. Em relação as academias classificadas como eficazes, estatisticamente, pode-se afirmar que seus usuários assim as consideraram pelo tipo de aula ministrada provocar alterações desejáveis no corpo do praticante (em um tempo que considerado adequado); pela organização de eventos, promoções ou outros tipos de atividades, de modo a possibilitar a interação social entre usuário e professores; pela preocupação demonstrada pelo professor de ginástica em dar orientação sobre os exercícios, bem como fazer correções necessárias durante a realização das aulas; pela preocupação dos professores e administradores em prestar informações técnicas aos usuários em relação ás vantagens e limitações da ginástica de academia. As academias indicadas como eficazes não foram assim classificadas pelos seus alunos pelo fato dos exercícios, apesar de variados e criativos, serem propostos sem preocupação com as diferenças individuais de sexo, idade e estado de condicionamento; pelo fato de todos os alunos fazerem o mesmo exercício com o mesmo número de repetições; e pelo fato da turma de alunos ter sido definida a partir de resultados de um exame médico e de uma avaliação funcional realizados apenas quando do ingresso do praticante na academia.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.