A Contribuição de Um Grupo de Pesquisa na Formação Crítica em Graduandos do Curso de Educação Física

Por: C. Barsosa Silva, G. Sousa Ribeiro, N. Lima Araujo e N. R. B. Junior.

IX Congresso Internacional de Educação Física e Motricidade Humana XV Simpósio Paulista de Educação Física

Send to Kindle


Resumo

A sociedade encontra-se cada vez mais atrelada ao "fazer" e desprendida do "pensar". A "miopia intelectual" causada pelos meios de comunicação entre outros acaba por desviar o foco da real essência daquilo que se faz. O espírito reflexivo e crítico encontram-se cada vez mais distante dando espaço para o ativismo e a comodidade. A universidade neste contexto possui um papel fundamental na contribuição e desenvolvimento de um ser crítico e atuante na sociedade, um profissional capaz de enxergar um problema e procurar soluções, a missão da instituição deve ser o incentivo a pesquisa, ensino e extensão, e um dos meios dispostos para esse apoio são os grupos de pesquisa que complementam o ensino superior. Um grupo de pesquisa tem por finalidade incorporar ações metodológicas investigativas, geradas a partir de inquietações das quais se originam. O estímulo ao acúmulo de leitura, o aumento da massa crítica, a expansão de ideias e aplicação do discurso teórico para a operacionalização são características deste tipo de conduta. A área de educação física ainda por muitas pessoas estar vinculada a uma imagem estereotipada do profissional tecnicista, portador de uma gama de exercícios e reprodutor de movimentos, porém ainda pouco se sabe do aumento significativo e gradativo das descobertas que permeiam a área da educação física na comunidade cientifica nos últimos tempos, mesmo que ainda não seja claramente visível à participação de um número elevado de alunos em grupos de pesquisas durante a graduação, pois ao ingressar na faculdade a mentalidade do aluno ainda encontrase imatura, a profissão ainda estar rotulada ao professor de academia possuidor de um biótipo escultural que não necessariamente precisa possuir um grande referencial teórico e científico. Este estudo tem por objetivo apontar a contribuição de um grupo de pesquisa na formação crítica de profissionais de educação física em uma faculdade privada da cidade de Fortaleza-Ce. Foram aplicados questionários de autopreenchimento com abordagem qualitativa a respeito da percepção crítica dos alunos graduandos em educação física participantes do grupo de pesquisa GEPES (Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação e Saúde). Com base nos dados colhidos pode-se concluir que os alunos do curso de educação física após ingressarem no grupo de pesquisa passaram a ter um senso critico mais amplo, planejamento orçamentário para aquisição de livros, hábitos de leitura, inquietações diante de fatos sociais de questões implícitas, melhora no comportamento em sala de aula, suscetíveis ao diálogo e ainda melhor entendimento sobre sua área de atuação. Então concluise que houve mudanças de comportamentos no convívio e na participação efetiva de um grupo de pesquisa e estudo. Apoio Fametro.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/10060/10060

Comentários


:-)





© 1996-2016 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.