A Dança Popular Como Possibilidade Criativa Para Jovens e Adultos com Deficiência Intelectual

Por: Andressa Prata Leite Damiani, Laís Albuquerque Rodrigues e Thais Dalfiôr Zorzal.

XVIII Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e V Conice - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

O estudo em tela objetiva descrever e discutir as experiências de dança popular como possibilidade criativa para jovens e adultos com deficiência intelectual participantes do projeto de extensão: “Prática pedagógica de Educação Física Adaptada para jovens e adultos com deficiência” do LAEFA/CEFD/UFES. Esta perspectiva originou-se a partir de experimentações anteriores com as danças populares da matriz africana e indígena nesse projeto, nas quais percebemos um envolvimento significativo por parte dos alunos, que nos despertou a curiosidade de compreendermos como a dança popular tem contribuído para o processo de (re)conhecimento das capacidades criativas e autônomas dos sujeitos com deficiência intelectual. A escolha pela dança popular foi feita por acreditarmos que ela permite o despertar da corporeidade dos jovens e adultos com deficiência intelectual participantes do projeto, possibilitando-os o apropriar, ressignificar e compartilhar os diferentes saberes presentes na dança. Desta forma, encontramos nas danças populares a possibilidade de entrar em contato com a cultura de vários povos e suas diferentes formas de expressão e ainda, desenvolvendo as capacidades de criação.

Endereço: http://cbce.tempsite.ws/congressos/index.php/conbrace2013/5conice/paper/view/5067

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.