A Diferença de Idade é Um Fator Determinante na Modulação do Estresse Oxidativo Muscular Induzido Pelo Exercício Agudo

Por: Camila B. Tromm, Cláudio T. de Souza, Emerson A. Brancher, Giulia S. Pedroso, Luciano A. Silva, Pauline S. Effting, Priscila S. Souza e Ricardo A. Pinho.

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.40 - n.3 - 2018

Send to Kindle


Resumo

Este estudo teve por objetivo comparar os efeitos do exercício agudo com carga de trabalho relativa em gastrocnêmio de ratos Wistar com três e 18 meses. Os animais foram divididos em quatro grupos (n = 6): controle de três e 18 meses; exercício de três e 18 meses. Os grupos exercitados foram submetidos a uma única sessão de corrida na esteira com 60 minutos em velocidade de 0,8km/h e 1,2km/h. Foram analisados parâmetros do metabolismo (níveis de lactato, conteúdo de glicogênio, níveis de succinato desidrogenase, citocromo c oxidase e de estresse oxidativo (SOD, CAT e GPX). Os resultados mostraram um aumento nos marcadores metabólicos após o exercício agudo independentemente da idade dos animais e similaridade nos danos oxidativos apesar de as enzimas antioxidantes apresentarem modulação diferenciada nos animais mais velhos em comparação com animais jovens.

Endereço: http://rbceonline.org.br/pt/a-diferenca-idade-e-um/articulo/S0101328915300962/

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.