A Economia das Trocas Simbólicas no Campo do Taekwondo

Por: e Thiago Farias Pimenta.

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.37 - n.2 - 2015

Send to Kindle


Resumo

O presente artigo objetivou identificar a constituição das trocas simbólicas no campo das artes marciais no Brasil, especificamente do Taekwondo e, o papel de seus “mestres”. Analisaram-se cinco entrevistas semi-estruturadas destes agentes atuantes no Estado de São Paulo (2007) para identificar tais ferramentas possivelmente reproduzidas no subcampo do Taekwondo. Utilizou-se o referencial teórico de Pierre Bourdieu para analise das entrevistas. Considerou-se que estas imposições simbólicas são reproduzidas e resignificadas e servem como ferramenta de manutenção de poder e posições no interior do campo esportivo e das artes marciais.

Endereço: http://revista.cbce.org.br/index.php/RBCE/article/view/1522

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.