A Educação Ambiental e a Educação Física Escolar no Brasil

Por: Carlos Eduardo Lopes da Silva e .

XVII Congresso de Ciências do Desporto e Educação Física dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Tombam árvores, morrem índios Queimam matas, ninguém vê Que futuro está perdido Uma sombra e não vai ter Pensem em Deus, alertem o mundo Pra floresta não morrer (Sebastião Dias)

Certa vez, ao discutirmos a relação corpo, natureza e cultura, escrevemos3 que o homem, ao desenvolver-se corporalmente, passou a dominar a natureza e, ao mesmo tempo, distanciou-se dela. Tal fato, decorrente das novas atividades por ele assumidas, pela criação de novos instrumentos e por meio de novos trabalhos assumidos, fez com que a vida do homem avançasse significativamente em seu modo de viver e na sua própria qualidade de vida. No entanto o seu interesse pela exploração dos recursos naturais, aliado à comercialização destes, parece ter entorpecido o homem para não enxergar os efeitos negativos das suas ações sobre a natureza. Tem-se a ideia de que o homem não se vê parte integrante da própria natureza

Endereço: http://cev.org.br/biblioteca/cuidar-da-casa-comum-da-natureza-da-vida-da-humanidade-oportunidades-e-responsabilidades-do-desporto-e-da-educacao-fisica-vol-2/

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.