A Educação Física na Educação Escolar Indígena: a Produção Acadêmico-científica na área 21 Como Perspectiva de Diálogo e (re)conhecimento Intercultural

Por: Edwin Alexander Cañon Buitrago, e Lucas Silva Skolaude.

Movimento - v.26 - 2020

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo tem por objetivo analisar e discutir a produção acadêmico-científica sobre a Educação Física, centrada especificamente na Educação Escolar Indígena. As buscas foram realizadas no Catálogo de Teses e Dissertações da CAPES e nos periódicos nacionais da Educação Física e da Educação que publicam na Área 21. Durante o processo de leitura e agrupamento temático das materialidades encontradas, a interculturalidade ganhou relevância devido ao diálogo que suas produções apresentam tanto para Educação Escolar Indígena quanto para o componente curricular da Educação Física. A dialogicidade passou a ser a categoria central de análise em razão de apresentar desde uma perspectiva crítica relações muito próximas entre a visão intercultural e os saberes que a Educação Física pode desenvolver para o reconhecimento desse “outro” cultural. O resultado do processo de análise foi a interpretação de uma “subalternidade” no tratamento e circulação das questões indígenas tanto no campo da Educação Física quanto nos periódicos que publicam na área 21.

Endereço: https://seer.ufrgs.br/Movimento/article/view/90042

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.