A Educação Física na Uff e Seu Diálogo com a Educação de Jovens e Adultos (eja)

Por: Ana Carolina Souza Guimarães dos Santos, Bruno Soares do Nascimento, Lara Holmes R. Serrano, e Thalita Rangel Neves.

VI Congresso Sudeste de Ciências do Esporte

Send to Kindle


Resumo

Introdução: a Constituição (BRASIL, 1988) prevê que a educação seja um direito de todos, inclusive para aqueles que não tiveram acesso ou que por algum motivo não puderam ter na idade adequada. Assim surge a Educação de Jovens e Adultos (EJA), cujo objetivo supera o caráter compensatório e nos convida compreender a educação como um processo permanente, visando à criação de uma sociedade solidária e heterogênea. A educação física, por sua vez, traz conteúdos que podem potencializar o contexto diverso e complexo da EJA, no qual as práticas corporais, lúdicas e de lazer inserem-se em um conjunto de múltiplas oportunidades educativas. Na UFF, mas especificamente no curso de educação física, a modalidade nos é apresentada como disciplina optativa; projeto de pesquisa; projeto de extensão - dos quais fazemos parte. Objetivo: apresentar as diferentes formas com que os discentes em educação física têm contato com a EJA, e suas percepções. Metodologia: essas ações fazem parte do grupo de pesquisa ELAC (Educação física escolar; experiências Lúdicas e Artísticas; Corporeidades), cujas questões centrais são referentes à corporeidade e à EJA. Através de referencial teórico em que a EJA e a escolas são problematizadas, nos inserimos em diferentes projetos. Desenvolvimento: todos os projetos objetivam dialogar e problematizar sobre a cultura corporal hegemônica (COLETIVO DE AUTORES, 2012), trazendo novos olhares para a criação de propostas e de materiais pedagógicos que contribuam para o fortalecimento da modalidade (SOARES, 2008). Resultados: a pesquisa vem mapeando a presença da educação física na EJA das escolas de Niterói e seu entorno. O curso de extensão, assim como a monitoria em disciplina optativa, iniciada em 2017 e que aborda a modalidade, possibilita reflexões acerca da EJA na formação continuada e inicial de professores. Considerações Finais: essas ações acadêmicas em torno da EJA versam sobre as questões inerentes à modalidade - sua afirmação como direito à educação -; auxiliam na formação dos bolsistas, futuros docentes, a conhecer e a se inserir nessa modalidade e; destacam o papel da Universidade para essa formação.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.