A Evolução Tática no Futebol

Por: André Luiz Elias, Evandro Costelli Junior e Matheus Henrique Almeida.

XV Congresso de História do Esporte, Lazer e Educação Física - CHELEF

Send to Kindle


Resumo

A revolução industrial trouxe bem mais que transformações socioeconômicas na Inglaterra, já que também ajudou no processo de desenvolvimento do esporte para todas as camadas sociais. A evolução tática no futebol surgiu como uma necessidade estratégica para superar o adversário, e não só na parte ofensiva como na parte defensiva. O sistema tático teve sua evolução por diversos fatores, tais como, mudanças nas regras do jogo, e, com o passar do tempo, pelo condicionamento físico, cada vez mais aprimorado pelos atletas, o que diminui os espaços em campo e aumenta a velocidade da partida. O estudo se caracteriza por pesquisa básica e o método utilizado é o qualitativo, baseando-se em técnicas de pesquisa bibliográfica e análise de documentos. O primeiro sistema utilizado foi o 1-1-8, em 1863, no qual basicamente o objetivo era apenas atacar e havia pouca preocupação com a defesa. O segundo sistema foi o 2-3-5, usado no final do século XXI. Nesse tempo, ocorreram grandes mudanças nas regras de jogo, sendo a principal delas relacionada ao impedimento, a partir da qual as equipes tinham que reforçar a defesa, passando a utilizar três zagueiros. O sistema 4-3-3, utilizado em 1962, esteve em constante mudança. Devido a evolução na preparação física, esse sistema se caracterizava pelo maior preenchimento no meio de campo, com preferência pela posse de bola. O sistema 4-5-1, iniciado nos anos 2000, com a necessidade de forte marcação e aumento da velocidade das partidas, inspirou-se no sistema que era utilizado na Europa, que consiste em quatro jogadores na defesa, cinco no meio de campo e um atacante. Portanto, desde 1863 até os anos 2000, ocorreram diversas mudanças táticas, principalmente para confundir a equipe adversária. Além disso, a principal mudança foram os esquemas que se tornaram mais defensivos, visto que nos primeiros sistemas uma equipe atacava com oito jogadores, isso foi cessando, até que nos dias de hoje uma equipe posta-se em campo com no máximo três atacantes.

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.