A Formação do Bacharel em Educação Física e o Campo de Intervenção Profissional : Um Estudo de Caso

Por: Ana Amélia Anzolin.

116 páginas. 2012 27/08/2012

Send to Kindle


Resumo

Resumo: O presente estudo foi desenvolvido com o objetivo geral de analisar a formação inicial de bacharéis em educação física de uma IES pública do estado Paraná e a sua relação com a atuação profissional nos diferentes campos de intervenção. Caracterizou-se como estudo de caso. Para selecionar a instituição participante, fizemos um recorte intencional delimitando como objeto de pesquisa uma instituição de ensino superior (IES) pública do estado do Paraná, pelo fato da pesquisadora ter realizado a formação inicial nessa instituição, incitando o desejo de conhecer como esta vem desenvolvendo o curso de bacharelado em educação física, visto que atua nesse campo. Outro motivo, é que a instituição e o curso selecionados são tradicionais no estado do Paraná, sendo um curso criado em 1972 e reconhecido pelo Ministério da Educação e Cultura desde 1976. Participaram da pesquisa, cinco docentes e 25 egressos do curso de educação física em bacharelado. Como fonte de dados, analisamos o projeto pedagógico do curso pesquisado, assim como coletamos dados por meio de entrevista semi-estruturada com docentes e aplicamos um questionário com os egressos. Para o tratamento dos dados, tanto dos documentos (projeto pedagógico) como das entrevistas transcritas e dos questionários, fizemos uso da técnica de análise de conteúdo proposta por Bardin (1977), assim como de estatística descritiva simples. Os resultados da investigação indicaram que docentes e egressos percebem que o campo de atuação no âmbito do bacharelado necessita de profissionais qualificados, sendo necessário, para tanto, uma revisão do projeto pedagógico do curso pesquisado, na tentativa de buscar uma formação adequada e que esteja de acordo com os espaços interventivos. Entretanto, sobre a contribuição da formação inicial para a prática profissional em educação física, na opinião dos egressos destacam-se pontos negativos, ressaltando falta de organização, planejamento, preparação, atualização e interesse por parte dos docentes. Embora, a maioria dos egressos esteja contente em relação às áreas de intervenção, demonstrando satisfação com as atividades que realizam e a academia é o local que acolheu a maior parte dos egressos da IES pesquisada. Apontamos neste estudo a necessidade de reestruturação da formação inicial em educação física para o curso de bacharelado em educação física pesquisado, dirigindo-se as disciplinas desnecessárias no sentido de promover uma formação coerente com os campos de intervenção específicos.

Endereço: http://nou-rau.uem.br/nou-rau/document/?code=vtls000205482

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.