A Fraseologia do Futebol: Um Estudo Bilingue Português-inglês Direcionado Pelo Corpus

Por: Sabrina Matuda.

2011 09/08/2011

Send to Kindle


Resumo

O objetivo desta pesquisa é estudar a terminologia do futebol em inglês e português por meio do estabelecimento de equivalentes fraseológicos. A escolha de trabalhar com unidades fraseológicas, e não apenas com termos isolados, deve-se ao fato de acreditarmos que um termo raramente ocorre sozinho. Em outras palavras, é muito provável que este venha acompanhado de um colocado, formando uma colocação e, muitas vezes, seja até parte de uma unidade de sentido maior. Para tanto, a fundamentação teórica embasa-se na Linguística de Corpus, na Terminologia Textual, na Tradução Técnica como ato comunicativo sujeito a condicionantes culturais e no conceito forma-representação. O corpus de estudo possui, aproximadamente, um milhão de palavras em cada língua: 917.073 em português e 1.002.897 em inglês. Cada corpus é dividido em quatro subcorpora: regras do jogo, textos jornalísticos sobre resultados de partidas, narrações minuto a minuto e transmissões sociais. A análise do corpus foi realizada de maneira semiautomática, utilizando o etiquetador Tree-Tagger para fazer a etiquetagem morfossintática dos textos e o programa WordSmith Tools para explorar o corpus. O estudo nos mostrou que a extração de unidades fraseológicas é uma abordagem promissora para a compilação de um glossário que tenha como objetivo registrar o uso autêntico da terminologia técnica - em nosso caso, do futebol. Ao final do trabalho, apresentamos um modelo de glossário bilíngue português-inglês de fraseologias formadas a partir do termo gol, com base na análise realizada.

Endereço: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-31102011-105346/pt-br.php

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.