A Goleada Inesperada e o Ressurgimento do Complexo de Vira-latas

Por: Christiane Bara Paschoalino e Márcio de Oliveira Guerra.

XXXVII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação - Intercom

Send to Kindle


Resumo

Trata esse trabalho da verificação do discurso utilizado pelos comentaristas esportivos de televisão após a derrota da Seleção Brasileira para a Alemanha, por 7 a 1, na semifinal da Copa do Mundo de 2014. O que se pretende é demonstrar como esses profissionais da comunicação, responsáveis pela análise de uma disputa, mudaram seu comportamento após a goleada, recorrendo, como em 1950, ao “Complexo de Vira-Latas”, expressão cunhada por Nelson Rodrigues. Mais que isso, como eles demonstraram que estavam despreparados para lidar com uma das maiores características do futebol, especialmente nesta Copa do Mundo de 2014: o inesperado. A ideia de produzir esse texto surge da perplexidade de ouvirmos o “comentarista”4 Walter Casagrande, ao final do jogo, dizendo que temia pela classificação do Brasil para a Copa do Mundo de 2018.

Endereço: http://www.intercom.org.br/papers/nacionais/2014/index.htm

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.