A Graduação em Educação Física na Ucb no Período de 1976 2004: Análise das Matrizes Curriculares no Contexto da Relação Educação Física e Saúde.

Por: Letícia de Vilhena Garcia.

152 páginas. 2005

Send to Kindle


Resumo

A presente dissertação de Mestrado realiza estudo analítico das matrizes curriculares do Curso de Graduação em Educação Física da Universidade Católica de Brasília-UCB no contexto da relação Educação Física e Saúde, abrangendo o período 1976 a 2004. A revisão de literatura contemplou os temas Currículo, Currículos de Ensino Superior, Educação Física no Brasil, Currículos de Graduação em Educação Física no Brasil, Educação Física e Saúde, Ciências Humanas e Educação Física, Estudos sobre Formação Profissional em Educação Física. Como procedimentos metodológicos, foram utilizadas entrevistas semi-estruturadas e análise documental. Os depoimentos coletados salientaram a importância para a área do reconhecimento formal da Educação Física como profissão da Saúde. Destacaram o mercado de trabalho como principal fator para as diferentes modificações no currículo da UCB. Os resultados obtidos mediante o exame das matrizes curriculares demonstraram a ênfase no enfoque técnico-biológico-desportivo, tendo sido registradas mudanças expressivas no componente técnico-desportivo. Pode ser considerada significativa a presença de disciplinas voltadas para a fundamentação humanística e de formação pedagógica. A UCB, tendo optado pela licenciatura ampliada em Educação Física, possui no momento currículo abrangente, com amplo leque de disciplinas, tendo os docentes sugerido a adoção de optativas em maior escala. A relação Educação Física e Saúde constitui princípio fundamental para a formação do profissional em Educação física. O estudo possibilitou a análise da evolução quanto às perspectivas dessa relação. Entre a maioria dos entrevistados predomina a concepção da Saúde como estreitamente vinculada ao exercício físico. Tal concepção , amplamente difundida na sociedade, conduziu à ampliação do mercado de trabalho para a Educação Física, o que levou à inserção na matriz curricular, a partir de 1989, de várias disciplinas relacionadas à atuação do profissional em academias e como personal trainer. Recomenda-se reflexão cuidadosa sobre o importante papel que o professor de Educação Física pode desempenhar no que tange à Educação para a Saúde nas escolas, entidades dotadas de forte potencial multiplicador nas comunidades. Novas configurações para a atuação explícita em Saúde do profissional de Educação Física - em políticas públicas e comunidades, mediante a participação em equipes interdisciplinares - devem ser analisadas.

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=910&listaDetalhes%5B%5D=910&processar=Processar

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.