A História Registrada no Corpo das Professoras: Saberes Docentes Numa Perspectiva Reichiana

Por: Angela Rodrigues Luiz.

157 páginas. 2007 28/02/2007

Send to Kindle


Resumo

A referência básica desse trabalho é o pressuposto reichiano de que toda história de vida está registrada no corpo. O processo histórico dos indivíduos, na sua relação com os outros, no expressar de emoções e pensamentos, percorre sua estrutura corporal, concretizando-se num enrijecimento, ou não, dos seus músculos, o que resulta em marcas corporais. Esse estudo tem como objetivo compreender a história marcada no corpo de professoras, articulando as marcas visíveis em consonância com a história relatada. Para a viabilização desse propósito fotografamos e entrevistamos uma professora, analisando seu corpo a partir das relações entre o registro fotográfico e a sua narrativa. Dentre os autores que se dedicam a analise do corpo, destacamos Reich, Lowen, Dychtwald e Kurtz & Prestera. O registro fotográfico da professora observada ilustra as considerações teóricas contribuindo assim, para a compreensão das marcas corporais. Cada detalhe possuído por um corpo está diretamente relacionado com seu percurso histórico que é distinto ao que vem acontecendo a outro corpo. A relevância desse trabalho está no fato de possibilitar um pensar da escola numa perspectiva de “múltiplas determinações”, onde a formação e atuação da professora são carregadas de um forte compromisso com a vida, pois muitas marcas são registradas nos corpos dos alunos, em determinação do tempo que permanecem nas escolas, somados aos fatores hereditários e as relações estabelecidas no seio da família. Deste modo, conhecer os mecanismos corporais, rever as reações expressadas para acontecimentos vivenciados pelo corpo e acima de tudo promover um auto-conhecimento, são intervenções que auxiliam as professoras a ressignificarem suas ações e transformarem sua prática docente, visando o prazer e a produção criativa. Destacamos a importância de um olhar mais atencioso para o que falam os corpos, de modo a vislumbrarmos relações pedagógicas mais gratificantes e lançamos indícios para a compreensão das marcas corporais das professoras e do seu fazer pedagógico.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.