A Incidência de Desvios Posturais em Meninas de 6 a 17 Anos da Cidade de Novo Hamburgo

Por: Cíntia Detsch.

Movimento - v.7 - n.15 - 2001

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi verificar a incidência de desvios posturais em escolares. Foram realizadas avaliações posturais estáticas, goniométricas e medições das distancias escapulares em meninas entre 6 e 17 anos de idade (n=154). Os resultados indicaram que é comum a ocorrência de desvios posturais, principalmente a partir dos 10 anos, quando passa a ocorrer também um percentual maior de assimetrias entre as medidas do lado direito e esquerdo da cintura escapular e pélvica. Analisando as faixas etárias como um todo, os desvios mais observados foram: anteriorizaçao da coluna cervical (66,23%), protusão de ombros (47,40%), abdução escapular (80,52%), nipercifose dorsal (10,39%), hiperlordose lombar (31,17%) e cifolordose (29,22%).

Endereço: http://seer.ufrgs.br/Movimento/article/view/2622/1251

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.