A Inclusão da Natação na Vida da Pessoa com Deficiência – Uma Análise a Partir da Teoria Ecológica do Desenvolvimento

Por: Giseli Fregolente e Milton Vieira do Prado Junior.

Revista da Associação Brasileira de Atividade Motora Adaptada - SOBAMA - v.16 - n.1 - 2015

Send to Kindle


Resumo

o objetivo deste trabalho foi verificar, utilizando a Teoria Ecológica do Desenvolvimento (TED), como a prática e a aprendizagem da natação pela pessoa com deficiência (PCD) provoca modificações tanto para o praticante como nos outros ambientes vivenciados por ela e também, como os outros ambientes influenciam na aprendizagem da natação. Participaram deste estudo 16 PCD, alunos do projeto
de extensão universitária vinculado, Departamento de Educação Física da Unesp de Bauru, ministrado pelos coordenadores do LAPEF,
que tem por objetivo a inclusão da natação no cotidiano da PCD, sendo os alunos vinculados a uma instituição da cidade de Bauru-SP, três funcionários da Instituição e dois professores do projeto de natação. Foram feitas entrevistas com os familiares dos alunos, com os funcionários da Instituição, com os professores do projeto e analisamos as aulas de natação aplicadas no projeto durante um semestre. Com base nos resultados podemos afirmar que a prática e a aprendizagem da natação pela PCD provoca modificações tanto para o
praticante como para os outros ambientes vivenciados por ela (casa, Instituição) e também, que os outros ambientes vivenciados pela PCD influenciam na prática e no processo de aprendizagem da natação. Usando a terminologia da TED, concluímos que o mesossistema (casa, instituição) influencia no microssistema (aulas de natação), assim como o microssistema influencia no mesossistema, portanto a atividade foi significativa e com persitência temporal influenciando no desenvolvimento da PCD.

Endereço: http://www2.marilia.unesp.br/revistas/index.php/sobama/article/view/4969

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.