A Ingestão Hídrica Acelera a Recuperação da Frequência Cardíaca Pós-exercício

Por: , Josiane Pereira da Silva, Raphael de Alvarenga Mattos, Rhenan Bartels Ferreira e Tiago Peçanha de Oliveira.

Revista da Educação Física - UEM - v.23 - n.2 - 2012

Send to Kindle


Resumo

A frequência cardíaca de recuperação pós-exercício é um índice de fácil aplicação que reflete a reativação vagal pós-exercício. A ingestão hídrica produz alterações importantes sobre o sistema cardiovascular, promovendo o aumento da modulação vagal cardíaca. O objetivo do presente estudo foi verificar a influência da ingestão hídrica sobre a frequência cardíaca de recuperação. Participaram do experimento dez indivíduos saudáveis. A sessão experimental constou de realização de exercício físico em cicloergômetro, ingestão hídrica e registro da frequência cardíaca de recuperação. Realizou-se também uma sessão de controle. A partir dos valores de frequência cardíaca do exercício e da recuperação, foram calculados os deltas de 60 e 120 segundos de recuperação e comparados entre as condições “ingestão hídrica” e “sessão controle”. Observaram-se maiores valores do delta de 120 segundos de recuperação, na condição “ingestão hídrica”, em relação à sessão controle. A ingestão hídrica interfere positivamente na recuperação da frequência cardíaca pós-exercício, com forte implicação clínica e desportiva.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/12670/9661

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.