A Lei Anti-gay Russa: Demarcações e Governo dos Corpos no Mundial de Atletismo 2013

Por: Elder Silva Correia, Fabio Zoboli, Renato Izidoro da Silva e Tammy Rocha Costa.

Pensar a Prática - v.18 - n.3 - 2015

Send to Kindle


Resumo

Artigo que objetiva investigar as demarcações e governo dos corpos no que tange as questões de gênero ocorridas no Mundial de Atletismo de Moscou no ano de 2013 frente as polêmicas causadas pela lei anti-gay russa. Tratou-se de um estudo de abordagem qualitativa feita a partir de uma pesquisa descritivo-exploratória. Os dados empíricos utilizados para conjecturar os objetivos do texto foram retirados das publicações feitas no portal de internet “globo.com”. Nossa análise se ateve a 12 reportagens e foi feita por meio de dois temas: “manifestações/protestos” e “polêmica Isinbayeva”. Como resultado, observamos que as manifestações de atletas foram no sentido de clamar contra seu apagamento singular frente a uma política que exige um sujeito “universal”.

Endereço: http://revistas.ufg.emnuvens.com.br/fef/article/view/34031

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.