A Pátria de Chuteiras Está Desaparecendo?

Por: , Antonio Santoro Salvador, Felipe Di Blasi e Tiago Lisboa Bartholo.

IX Congresso Brasileiro de História do Esporte, Lazer e Educação Física CHELEF

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do estudo é analisar como o futebol se construiu num espaço de afirmação daidentidade nacional. O futebol no Brasil forneceu base para afirmação de sentimentosidentitários a partir da segunda década do Séc. XX (Pereira, 2000). O estilo de jogo do futebolbrasileiro tem sido historicamente tratado no Brasil como imagem daquilo que se acredita sera “essência” do brasileiro (Soares & Lovisolo, 2003). Por outro lado, surgem novas análisesno campo que apontam que identidade nacional ou “pátria de chuteiras” tem se tornado umsentimento em declínio em função dos rápidos processos de globalização, da diversificaçãodos lazeres e do intenso processo de transferência de jogadores entre clubes e países (Helal &Soares, 2003). Todavia, os analistas que afirmam que este sentimento está em declínio nãoapresentam uma boa base de dados, nem indicadores comparativos para balizar a continuidadeou a descontinuidade dos sentimentos identitários. No sentido de aprofundar essa questão,realizaremos uma análise comparando as narrativas da imprensa escrita sobre as Copa doMundo de 1958 e 1962 com as da Copa de 2002.

Endereço: http://cev.org.br/biblioteca/anais-do-ix-congresso-brasileiro-de-historia-do-esporte-lazer-e-educacao-fisica-chelef

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.