A Prática Pedagógica da Educação Física no Currículo Organizado Por Ciclos na Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre - RS

Por: Maria Cecília Camargo Günther e .

XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

O presente texto é uma síntese de uma investigação realizada em quatro escolas de ensino fundamental da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre (RME/POA) que teve como problema de pesquisa a seguinte indagação: quais as reflexões e tensões imanentes à prática pedagógica da Educação Física (EF) no currículo organizado por ciclos nas escolas da RME/POA? Optamos pela metodologia de corte qualitativo realizando um estudo etnográfico em quatro escolas da RME/POA, com um grupo de colaboradores constituído de dezesseis professores de EF. O processo constituise de: revisão bibliográfica, trabalho de campo, acompanhado por análise documental de materiais da Secretária Municipal de Educação de Porto Alegre e das escolas investigadas. Adotamos o uso de: diário de campo, observação participante e entrevista semi-estruturada. Na fundamentação teórica abordamos educação e currículo na contemporaneidade, a constituição do currículo organizado e sua estruturação na RME/POA, prática pedagógica da EF escolar e constituição do conhecimento dos professores. Como referencial teórico para as análises e interpretações dos achados de campo recorremos a Teoria das Representações Sociais. O processo de análise nos permitiu compreender as múltiplas representações que vem sendo construídas em torno do currículo organizado por ciclos nos diferentes contextos das escolas investigadas constituindo conhecimentos que se forjam na vivência e elaboração das inovações propostas. Do mesmo modo, emergiram representações da EF escolar que indicam um processo de ressignificação de sua posição no currículo escolar. A avaliação emergiu como um dos aspectos mobilizadores na constituição da prática pedagógica da EF no currículo organizado por ciclos, exigindo dos professores um novo olhar sobre seus alunos, assim como uma visão mais ampliada e flexível com relação ao planejamento. O caráter transdiciplinar da EF, ressaltado por alguns colaboradores, representa um aspecto favorável à constituição de novas formas de organização dos tempos e espaços pedagógicos no currículo escolar, mas que tem sido aproveitado de forma limitada, o que pode avançar mediante a qualificação e sistematização de momentos de reflexão coletiva sobre as próprias práticas pedagógicas.

Endereço: http://citrus.uspnet.usp.br/eef/uploads/arquivo/71_Anais_349.pdf

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.