A Preparação de Porta-vozes Para Entrevistas à Imprensa: Um Estudo de Caso Sobre a Relação do Técnico Dunga com a Mídia na Copa do Mundo de 2010

Por: Andreia de Vasconcellos Gorito.

XXXIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação - Intercom

Send to Kindle


Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar a atuação do técnico da seleção brasileira de futebol, Dunga, como porta-voz da equipe na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. Após a partida contra a seleção da Costa do Marfim, Dunga se indispõe com um jornalista da TV Globo e dá início a uma crise de relacionamento com a imprensa que acaba por abalar a imagem do time perante a opinião pública. Procuramos demonstrar a importância do preparo de porta-vozes para entrevistas à imprensa, principalmente em coletivas, bem como as vantagens das técnicas de media training em casos de gestão de crise, como a que se envolveu a seleção brasileira. Para isso, abordamos ainda a relação entre mídia e esporte no Brasil, na qual se destaca a participação do futebol como elemento constitutivo da identidade nacional, o que dá maior dimensão ao fato.

Endereço: http://www.intercom.org.br/papers/nacionais/2010/index.htm

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.