A Relação Entre a Personalidade e as Lesões Musculares em Atletas de Tenis de Campo

Por: Ana Maria Braga.

52 páginas. 2008 03/06/2008

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo teve como objetivo a relação causa e efeito entre a personalidade e a lesão no esporte. A amostra foi composta por 35 atletas do sexo masculino, com idade média de 14,5 (DP=1,5) anos, e 25 atletas do sexo feminino com idade média de 13,6 (DP=1,63) pertencentes à Categoria Infanto-juvenil (12 – 18 anos) participantes de torneios de tênis de campo da Federação Paranaense e Catarinense, realizadas nas cidades de Curitiba, Blumenau e Florianópolis. Para a coleta de dados foram utilizados dois instrumentos distintos: Anamnese (questionário informativo) e o Inventário Fatorial de Personalidade (IFP). A análise estatística foi realizada com o auxílio do programa estatístico SPSS versão 13.0. Para verificar a relação entre as variáveis personalidade, lesão e sexo utilizou-se a Análise Multifatorial (MANOVA). Na amostra estudada observou-se significância (p<0.05) entre as variáveis sexo e personalidade para Intracepção, Afago, Dominância, Autonomia e Heterossexualidade. Para as variáveis lesão e personalidade apresentou significância (p<0.05) para Agressão e Heterossexualidade. Conclui-se que houve relação causa/efeito entre a personalidade e a lesão, mas não houve interação entre a lesão e o sexo. O instrumento utilizado demonstrou sensibilidade para detectar significância nestes atletas. É importante ressaltar a necessidade de investigações que envolvam o traço agressividade assim como, verificar se o traço heterossexualidade aplica-se apenas a esta população caracterizada em fase de adolescência. Outros estudos devem ser realizados para confirmar estes resultados.

Endereço: http://hdl.handle.net/1884/19164

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.