A Representação do Malandro, Capoeira e Trabalhador nas Músicas de Samba das Décadas de 1930 a 1950 no Brasil

Por: , Jorge Felipe Columá e Simone Freitas Chaves.

Conexões - v.15 - n.2 - 2017

Send to Kindle


Resumo

O objetivo desta pesquisa foi analisar a representação da figura do malandro em oposição à figura do trabalhador em sambas brasileiros durante as décadas de 1930 a 1940. Escolhemos este período histórico, pois é durante esses anos que vai se configurando uma identidade coletiva dessas figuras antagônicas, porém complementares, sobretudo durante a ascensão política de Getúlio Vargas no Brasil. Escolhemos esse estilo musical, pois ele está intimamente associado às classes trabalhadoras no Brasil durante este período.  A metodologia da pesquisa é de origem qualitativa e se utiliza da análise documental expressa nas letras de sambas escritos durante o período exposto acima. Como conclusão, consideramos que a associação entre samba e capoeira permeou a construção estereotipada da figura do malandro durante o referido período.  

Endereço: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8646013

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.