A Seleção de Jovens Basquetebolistas no Brasil: Um Estudo a Partir do Entendimento dos Treinadores

Por: .

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.2 - n.1 - 2000

Send to Kindle


Resumo

Este estudo teve como objetivo principal analisar o processo de seleção desportiva de jovens atletas de basquetebol, do sexo masculino e feminino, realizado pelos treinadores brasileiros. A pesquisa, de natureza descritiva, foi efetuada no mês de novembro de 1998, na cidade de Porto Alegre, durante a realização do IV Jogos da Juventude do Brasil. A metodologia utilizada foi a aplicação direta de um questionário aos 16 treinadores ( 8 de equipes masculinas e 8 de equipes femininas), participantes na Divisão “A” da competição. Neste questionário foram abordados temas referentes à formação acadêmica, experiência pessoal de prática desportiva, importância atribuída aos fatores e indicadores de seleção para cada posição (armador, ala e pivô), bem como os métodos e testes utilizados para selecionar o jovem atleta. Para a caracterização dos inquiridos, os dados foram analisados à partir de recursos da estatística descritiva em termos de distribuição de freqüência. Na análise dos dados referentes à atribuição de valores aos fatores de seleção, e indicadores de seleção, foram utilizados valores de média (±) e desvio padrão(Sd). Para comparar as respostas dos treinadores, quanto a importância atribuída aos fatores de seleção, indicadores de seleção, hierarquia dos fatores de seleção, hierarquia dos indicadores de seleção, hierarquia dos procedimentos metodológicos, foram utilizadas as provas estatísticas paramétricas e não-paramétricas contidas nos programas Statview Se Grafic, e Origin. Precisamente Teste “t” de Student, ANOVA, U de Mann-Whitney e Kruskalwallis. O nível de significância em todos os testes foi de 5% (p< 0,05). Os resultados indicam que a maioria dos treinadores brasileiros, participantes do IV Jogos da Juventude, encontram-se em fase de diversificação profissional, conforme classificação estabelecida das Fases de Desenvolvimento Profissional. De modo geral, ficou evidenciado que os treinadores das equipes masculinas e femininas têm um conhecimento semelhante e definido dos fatores e indicadores de seleção que devem ser considerados na seleção dos jovens atletas de basquetebol, para cada posto específico. Estes treinadores apresentam um processo definido para a seleção de jovens atletas de basquetebol, centrado principalmente na observação do jovem atleta durante o jogo. O processo de seleção está centrado preponderantemente no conhecimento e experiência do treinador. Os treinadores não possuem homogeneidade no entendimento dos procedimentos metodológicos mais adequados a utilizar num processo de seleção desportiva.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/3960

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.