A Sistematização do Conteúdo Jogo nas Aulas de Educação Física do Ensino Fundamental e Médio

Por: .

261 páginas. 2014 24/02/2014

Send to Kindle


Resumo

Desde a promulgação da LDBEN 9.9394/96, a Educação Física passou a ser compreendida como componente curricular na escola. Diante disso, percebe-se a necessidade de sistematização dos conteúdos. Observamos que as aulas de Educação Física, no ensino público de Natal, por exemplo, no âmbito do conteúdo jogo, os professores não fazem o uso das propostas de sistematizações existentes. E foi sobre essa realidade que o estudo desenvolveu, tendo como objetivo apresentar e discutir uma proposta de sistematização do conteúdo jogo nas aulas de Educação Física do ensino fundamental e médio. Nesse sentido, partimos da seguinte questão norteadora: Quais as possibilidades de sistematização do conteúdo jogo nas aulas de Educação Física escolar? Na metodologia recorremos à pesquisa-ação, a qual nos permitiu estruturar o plano de intervenção para o conteúdo jogo, direcionado para um processo didático reflexivo. O diálogo com a pesquisa-ação oportunizou um entendimento sobre a proposta de sistematização, os conhecimentos sobre o conteúdo jogo, o planejamento e o processo de ensino aprendizagem nas aulas de educação física desenvolvidas. Utilizamos a proposta de sistematização do livro “Educação Física Escolar e Organização Curricular”, para direcionar e organizar os planos de aulas. Como técnica de pesquisa utilizou-se a observação participante, a filmagem, os registros fotográficos e o diário de campo, nos orientando nos debates e discussões sobre o campo de investigação. As aplicações de aulas foram realizadas em três escolas, todas localizadas cidade de Natal/RN: Escola Municipal Professora Ivonete Maciel, Escola Municipal Professor Ulisses de Góis e Escola Estadual Professor Josino Macedo. Os envolvidos neste estudo foram: os estudantes PIBID-EF-UFRN, os professoressupervisores atuantes e os escolares. Eles fizeram a ponte entre a pesquisa e a ação, a teoria e a prática, a universidade e a escola. Os resultados avançaram para além das proposições apresentadas pelo livro supracitado. Para o Ensino Fundamental I, a proposta de sistematização ampliou vivências e experiências das manifestações lúdicas e corporais. Oportunizou conhecer e aprender sobre jogos de faz de conta, jogos de regras, jogos populares, jogos cooperativos, entre outros. Para o Ensino Fundamental II e Ensino Médio, as aulas sistematizadas possibilitaram a prática, a incorporação dos conhecimentos do jogo e suas características, como regras, origem, significado do nome, diferentes nominações, entre outros. Os escolares vivenciaram e experimentaram os jogos populares, jogos pré-desportivos, jogos cooperativos, jogos com material reciclados, entre outros. O tratamento a partir das três dimensões dos conteúdos: procedimental, conceitual e atitudinal, ocorreu de forma intrínseca a abordagem do conteúdo jogo, e conjuntamente com as nossas intervenções, não se dissociando durante a prática, mas sendo um processo contínuo nas aulas. Essa nova perspectiva de trabalhar o conteúdo jogo, de forma sistematizada, com aplicação, descrição e discussão das aulas, possibilitou elaboramos um quadro síntese das tematizações tratadas no conteúdo jogo por ano de ensino. 

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.