A Six-minute Walking Test: Maximum Oxygen Consumption In Physical Education Students

Por: Jaime Vásquez-gómez, Marcelo Castillo Retamal e Rodrigo Ramírez Campillo.

Revista da Educação Física - UEM - v.29 - n.1 - 2018

Send to Kindle


Resumo

O teste de caminhada de seis minutos (SMWT) foi concluído em poucas ocasiões em indivíduos jovens aparentemente saudáveis e estudantes universitarios, enquanto que a predição máxima do consumo de oxigênio (VO2max) não foi tomada em consideração. O objetivo deste estudo foi elaborar uma equação de predição para VO2max a partir da recuperação da freqüência cardíaca (HRR) após a realização do SMWT. 127 jovens na primeira etapa completaram o SMWT e o Course Navette Test (CNT), 17 na segunda etapa (teste-reteste) completaram o SMWT e CNT, e 20 sujeitos na terceira etapa completaram o teste SMWT e Bruce test. Todos os estudantes de educação física (PES) completam o consentimentoinfor mado. Observou-se uma correlação significativa entre o VO2máx estimado pela CNT e a HRR após o SMWT (rho= -0,3; p= 0,001). A correlação entre as mesmas variáveis foi r= -0,72 (p= 0,001) na segunda etapa e observou-se uma correlação  significativa (r= -0,65; p= 0,002) entre VO2max medido diretamente no teste de Bruce e HRR após o SMWT. A partir da correlação foi elaborada uma equação de predição de y= 92,468-0,278*20-segundo-HRR) eo erro padrão de estimação (SEE)foi de 7,17 ml·kg-1·min-1. O HRR conseguido após o SMWT pode predizer VO2max no PES.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/37412

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.