A Teoria da Classe Ociosa: o Que nos Diz Veblen Sobre Natureza e Comportamento Humano, Consumo, Esporte e Lazer

Por: Aline Barato Cheluchinhak e Fernando Renato Cavichiolli.

Licere - v.13 - n.1 - 2010

Send to Kindle


Resumo

O presente trabalho tem por objetivo apreender as idéias preconizadas por Veblen em "A Teoria da Classe Ociosa" e pensar sua aplicabilidade em estudos que envolvem esporte e lazer na atual sociedade de consumo. Para tanto, reproduzimos e analisamos a obra enfatizando o que o autor nos diz sobre a natureza e o comportamento humano, sobre o consumo, sobre o esporte e o lazer. Na atualidade, além dos limites da racionalidade instrumental e da importância dos hábitos, as contribuições veblenianas que nos parecem mais importantes dizem respeito às relações entre cultura e a racionalidade. Pesquisas nesse sentido permitirão o desvendamento das motivações dos agentes quanto à sua conduta como consumidores do esporte e do lazer, em todas as formas como se manifestam tais fenômenos em nossa sociedade.

Endereço: http://www.anima.eefd.ufrj.br/licere/sumario.html?ed=23

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.