Abordagens do Lazer e Suas Inter-relações com o Trabalho e a Tecnologia na Produção Acadêmica Brasileira na área do Lazer

Por: Ailton Vitor Guimarães.

170 páginas. 2001

Send to Kindle


Resumo

Este estudo tem por objetivo identificar e analisar as abordagens do lazer e suas inter-relações com o trabalho e a tecnologia, no interior da produção acadêmica brasileira na área do Lazer, tendo, como fontes, estudos que compõem essa produção. Seu ,ponto de partida é a minha prática docente na área da Educação Física, em uma instituição de educação tecnológica, e os estudos por mim realizados na área do Lazer. Os referenciais para o início da pesquisa são estudos na área do Lazer que ,contribuem para a problematização da temática proposta e para a construção da hipótese de trabalho do estudo, que se constrói em torno das seguintes questões: Quais as abordagens de lazer presentes na produção acadêmica considerada? Como essa produção aborda a questão do trabalho? Qual o sentido e o papel atribuídos à tecnologia? Que tipo de relações são estabelecidas entre lazer, trabalho e tecnologia no seu interior? Qual o referencial teórico que fundamenta as abordagens ,identificadas? Utilizando uma metodologia que tem na visão dialética do real seu princípio fundamental de investigação, o estudo caracteriza-se como uma pesquisa qualitativa do tipo bibliográfico na direção do alcance de objetivos específicos, estreitamente ligados ao objetivo geral e às questões apresentadas. Os resultados encontrados confirmam grande parte da hipótese de trabalho construída, evidenciando a existência de abordagens diferentes sobre o lazer, de vertentes diferentes mesmo ,em relação às críticas dessas abordagens e de propostas também diferentes para a superação das críticas construídas. Nas abordagens, tanto do trabalho quanto da tecnologia, predominam as discussões acerca dos meios de produção voltados para a acumulação de riqueza e não se encontram discussões e análises acerca do lazer que incluam, efetivamente, a tecnologia como um de seus elementos. O estudo permite identificar também limitações nas discussões realizadas. Nelas predominam as referências ao fator tempo e enfatizam-se as descrições e análises das abordagens e práticas que se criticam, sem que se proponha um encaminhamento no mesmo nível ,da crítica. Além disso, críticas e propostas partem de descrições e explicações da situação do lazer como algo dado, tal como encontrada no âmbito do ideário, a despeito das referências ao âmbito da prática. A produção carece, portanto, de investigações mais diretas e próximas da realidade concreta do lazer. Sugere-se, então, o encaminhamento de estudos empíricos que tomem, efetivamente, como objeto de estudo, as práticas de lazer, considerando suas relações com o trabalho e com a tecnologia. Propõem-se, ainda, estudos que investiguem as possibilidades apresentadas pelas práticas de lazer no interior das escolas e que enfatizem as inter-relações do lazer com a tecnologia, em particular.

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=587&listaDetalhes%5B%5D=587&processar=Processar

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.