Acompanhamento de Indicadores de Crescimento Físico, Maturação Biológica, Qualidade óssea e Desempenho Motor, em Jovens Praticantes de Atletismo

Por: Evandro Cassiano de Lázari.

58 páginas. 2011 21/02/2011

Send to Kindle


Resumo

Acompanhar a contribuição das variáveis de crescimento físico, maturacionais e de qualidade óssea nas mudanças do desempenho motor em atletas iniciantes no atletismo de ambos os sexos, é um fator de extrema necessidade para buscar sustentação de performance esportiva, na perspectiva da carreira desportiva de jovens atletas. Foram participantes deste acompanhamento jovens atletas, nas faixas etárias de 12 a 15 anos pertencentes à Organização Funilense de Atletismo nas categorias iniciais de idade em ambos os sexos. Foram acompanhados os indicadores de crescimento físico através da antropometria, dos indicadores maturacionais pela maturação sexual, dos indicadores de qualidade óssea e os desempenhos motores anaeróbios, com testes específicos para cada subdivisão destes indicadores fisiológicos. Os desempenhos das manifestações da força motora foram explorados nos indicadores de Força Explosiva (FE), Força Explosiva Elástica (FEE), e Força Explosiva Elástica Reflexa (FEER) verificados à partir dos testes de salto vertical, com as técnicas: Squat Jump (SJ), Counter Moviment Jump (CMJ) e Counter Moviment Jump em 5 segundos (CJ5s). Os indicadores de velocidade motora foram acompanhados através dos testes de velocidade máxima (30m). As variáveis que caracterizaram a composição corporal foram: massa corporal magra (MCM); área muscular da coxa (AMCX), através de medidas de massa corporal, comprimentos, larguras ósseas, diâmetros e dobras cutâneas. Os participantes se auto-avaliaram maturacionalmente conforme a classificação maturacional sexual de Tanner. A experiência e o tempo de treinamento foram compreendidos na quantidade de anos de treinamento e o tipo de competição vivenciada. Os resultados encontrados foram que no relacionamento do aumento no desempenho motor com o avanço da maturação e do crescimento físico, os jovens respondem às mudanças particulares de cada componente ao treinamento, apresentando períodos críticos, que são particularmente sensíveis às mudanças específicas de cada componente com o treinamento desportivo.

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=000790920

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.