Adaptação dos Testes de Lactato Mínimo, Potência Crítica e Limiar Anaeróbio Para Avaliação da Transição Anaeróbia-anaeróbia em Protocolo Específico Para o Tênis de Mesa

Por: Alessandro Moura Zagatto e érika Alves Morel.

Revista Brasileira de Medicina do Esporte - v.14 - n.6 - 2008

Send to Kindle


Resumo

Os objetivos do estudo foram verificar a adaptação dos testes de lactato mínimo, freqüência crítica e limiar anaeróbio em protocolo específico para o tênis de mesa para avaliação da transição anaeróbia-anaeróbia; verificar a reprodutibilidade do teste de lactato mínimo; e verificar a associação desses procedimentos específicos com o limiar anaeróbio determinado em corrida em esteira rolante (LAnest). Para isso, foram estudados 11 mesatenistas com tempo mínimo de treinamento de dois anos. Foram aplicados os testes de: 1) lactato mínimo em duas ocasiões para análise da reprodutibilidade (LACmin1 e LACmin2); 2) teste de freqüência crítica (fcrit); 3) teste incremental para determinação do limiar anaeróbio através da concentração fixa de lactato de 3,5mM (LAnesp3,5) e regressão linear bissegmentada (LAnBI), todos em procedimentos específicos para o tênis de mesa; e 4) o limiar anaeróbio em corrida aplicado em esteira rolante (LAnest) determinado pela concentração fixa de lactato de 3,5mM. Nos procedimentos específicos foi utilizado um lançador de bolas mecânico como ergômetro e os participantes realizaram golpes apenas de forehand. Como procedimentos estatísticos foram utilizados os testes de Bland-Altman, correlação produto-momento e ANOVA one way, com nível de significância de 5%. As intensidades de LACmin (59,40 ± 4,06 e 61,56 ± 8,97 bolas. min-1) apresentaram boa concordância (teste de Bland-Altman) e foram significativamente correlacionadas (0,61). A fcrit, o LAnesp3,5 e o LAnBI foram correspondentes a 56,50 ± 6,84 bolas. min-1; 66,74 ± 5,03 bolas. min-1; e 62,67 ± 7,25 bolas. min-1, respectivamente. Foi verificada apenas diferença significativa entre as intensidades de LAnesp3,5 e de fcrit. Foram encontradas correlações significativas entre LACmin1 e LACmin2 (0,61), LACmin1 e fcrit (0,61), LACmin2 e fcrit (0,69), LAnesp3,5 e LAnBI (0,70), enquanto que o LAnest (9,11 ± 1,94km. h-1) foi apenas correlacionado com a intensidade de fcrit (0,73). Desse modo, pode-se concluir que o teste de LACmin específico é reprodutível e que esse procedimento, assim como o teste de fcrit, pode ser aplicado para avaliar a transição aeróbia-anaeróbia no tênis de mesa e que o LAnest deve ser utilizado com cautela na avaliação de mesatenistas.

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-86922008000600009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.