Administração / Gestão Esportiva

Por: Euza Gomes, Mônica Castro, Próspero Brum Paoli, e Verônica Périssé Nolasco.

Atlas do Esporte no Brasil.

Send to Kindle


Resumo

A administração esportiva (denominação histórica da área de conhecimento no Brasil) ou gestão do esporte (nome mais apropriado da disciplina) concerne à organização e direção racional e sistemática de atividades esportivas e físicas em geral e/ou de entidades e grupos que fazem acontecer estas atividades quer orientadas para competições de alto nível ou participação popular ocasional ou regular, e práticas de lazer e de saúde. As definições desta área de conhecimento variam de acordo com países e continentes; assim, por exemplo, a North American Society for Sport Management ( Sociedade Norte-Americana para Gerência do Esporte-NASSM) define a gestão esportiva como um corpo de conhecimentos interdisciplinares que se relaciona com a direção, liderança e organização do esporte, incluindo dimensões comportamentais, ética, marketing, comunicação, finanças, economia, negócios em contextos sociais, legislação e preparação profissional. Na prática, a administração esportiva é uma atividade de apoio ao esporte e à Educação Física desde o século XIX na Europa (operação de clubes, por exemplo) e nos EUA (organização do esporte escolar e comunitário, por destaque). No Brasil, a administração do esporte ou de entidades esportivas teve suas primeiras abordagens no início do século XX em âmbito da Associação Cristã de Moços-ACM (RJ, SP e RS), e depois mais amplamente no final da década de 1920 e durante a década de 1930 nos meios militares – sobretudo na Escola de Educação Física do Exército formadora de instrutores e monitores militares e civis – que neste período ligaram o tema em exame à organização de competições e à gestão de instalações esportivas. Já na Europa e nos EUA, ao longo do século XX, na medida que o esporte se ampliava e se criavam instituições esportivas mais sofisticadas, o sentido de liderança e de condução administrativa típico dos pioneiros do esporte e da Educação Física deu lugar a funções de gestão usadas de forma universal, tais como planejamento, direção, controle etc. No Brasil esta especificidade da administração no esporte teve suas primeiras aparições na década de 1940, conforme se relata a seguir.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.