Agenda 21: Uma Referência Para Elaborar Políticas Públicas de Esporte e Lazer

Por: Enio Araujo Pereira, Lovane Maria Lemos, Luciana Marins Nogueira Peil, Luiz Fernando Camargo Veronez e Márcia Morschbacher.

Pensar a Prática - v.15 - n.3 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Os esportes de aventura cresceram muito nas últimas décadas no Brasil, tanto no número de modalidades quanto no número de praticantes. Recentemente surgiram polêmicas relacionadas à questão profissional e à certificação de serviços e equipamentos para esse segmento esportivo, envolvendo o Conselho Federal de Educação Física (CONFEF), as entidades nacionais de administração do esporte e órgãos do governo federal. O objetivo desse artigo é o de trazer para o foco da discussão o documento da Agenda 21 brasileira, abordando indicações para promover o desenvolvimento sustentável e possíveis implicações para a elaboração e a execução de políticas públicas de esporte e lazer, em especial para o segmento do esporte de natureza.

Endereço: http://www.revistas.ufg.br/index.php/fef/article/view/13925/12068

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.