Agressividade nas Aulas de Educação Física Escolar: Encontros ou Desencontros?

Por: Luciana Prezotto Broglio.

123 páginas. 2003

Send to Kindle


Resumo

Esta dissertação teve como objetivo enfocar e analisar a existência, ou não, da agressividade nas aulas de Educação Física Escolar, ministradas para alunos de 5ª série do Ensino Fundamental II, de quatro escolas públicas da cidade de Piracicaba – SP. Buscou-se na literatura alguns autores que, em suas produções, abordassem o tema agressividade para melhor compreensão e maior embasamento teórico. Na estruturação do trabalho é apresentada a Escola, a Educação Física Escolar, a relação de importância entre elas, a agressividade em diferentes enfoques, a violência, bem como a manifestação da agressividade na escola. O desenvolvimento metodológico foi embasado em princípios da pesquisa qualitativa, abrangendo a pesquisa bibliográfica e a pesquisa descritiva, com a utilização de entrevista e observação. São mostrados os dados coletados das observações das aulas de Educação Física Escolar, as respostas das entrevistas dos professores responsáveis pelas aulas observadas e as considerações sobre ambas. Como resultado a pesquisa evidencia a ocorrência de agressividade nas aulas de Educação Física Escolar; em determinados momentos abertamente, em outros mais sutilmente e que a manifestação dessa agressividade depende muito da interação professor-aluno e da maneira como as atividades são desenvolvidas. Para compreender essa agressividade espera-se de todos os profissionais envolvidos na educação um repensar; refletir, expor idéias, dialogar, objetivando melhorar, transformar, buscar novos horizontes e novas soluções.

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=781&listaDetalhes%5B%5D=781&processar=Processar

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.