Análise da Marcha em Sujeitos com Sobrepeso

Por: Fabiana Rodrigues da Silva.

63 páginas. 2014 27/02/2014

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste trabalho é identificar e comparar as alterações na marcha de sujeitos com sobrepeso sobre as variáveis cinemáticas da articulação do tornozelo, joelho e quadril e a força de reação do solo (FRS), através da aplicação da análise de componentes principais (ACP). Vinte e três sujeitos visitaram o laboratório de teste de marcha. Os sujeitos foram separados em grupos de acordo com o índice de massa corporal (IMC): Grupo Controle (IMC < 25) e grupo com sobrepeso (25 ≤ IMC≤ 30). Os sujeitos de ambos os grupos foram submetidos a teste de caminhada sobre plataforma de força para aquisição de dados. A ACP foi utilizada para extrair características relevantes, eliminar redundância e reduzir a dimensionalidade dos dados. A ACP foi aplicada nos dados cinemáticos de cada articulação e na FRS separadamente, onde foram retidos os componentes para a análise. O Gráfico scree foi usado para escolha do número de componentes principais necessários para a análise de cada variável. O teste de Wilcoxon Rank Sum foi utilizado para comparar os scores dos componentes principais entre os grupos para identificar diferença estatística. Os resultados demonstraram que sujeitos com sobrepeso apresentam alterações no padrão de marcha normal e essas alterações ocorreram na articulação do tornozelo no plano sagital, do quadril no plano sagital e nos componentes mediolateral e anteroposterior da FRS.

Endereço: http://www.eefd.ufrj.br/stricto-sensu

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.