Análise de Diferentes Modelos de Estruturação da Carga de Treinamento e Competição no Desempenho de Basquetebolistas no Yo-yo Intermittent Endurance Test

Por: , Alexandre Moreira, Enio Ricardo Vaz Ronque, Marcel de Souza e Paulo Roberto de Oliveira.

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.29 - n.2 - 2008

Send to Kindle


Resumo

Investigou-se o efeito da estruturação da carga de treinamento/competição no teste YO-YO em 32 basquetebolistas adultos (masculino; divisão principal) divididos em três grupos (Modelo cargas seletivas [MS], cargas concentradas [MCON], cargas complexas [MCX]). O
macrociclo foi composto por etapa preparatória (EP) e competição (EC). Testes foram realizados no início, final da EP e final da EC. ANOVA de medidas repetidas foi utilizada e o teste post hoc HSD de Tukey quando necessário (P <0.05). Não se verificou diferença entre modelos [valores brutos]. Quanto ao efeito do tratamento (percentual de variação) alterações significantes para MCX e MCON refletiram a distribuição do conteúdo para cada etapa. Parece que diferentes respostas podem ser esperadas e são modelo-dependentes.

Endereço: http://www.rbceonline.org.br/revista/index.php/RBCE/article/view/124

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.