Análise de Jogo no Futebol: Métricas de Avaliação do Comportamento Coletivo

Por: António José Figueiredo, Fernando Manuel Martins, Filipe Manuel Clemente, Micael Santos Couceiro e Rui Sousa Mendes.

Motricidade - v.10 - n.1 - 2014

Send to Kindle


Resumo

O jogo de futebol, como realidade complexa, necessita de uma interpretação do comportamento coletivo da equipa. Assim, o presente trabalho objetivou apresentar 4 métricas de avaliação coletiva baseadas na relação espácio-temporal, procurando identificar diferenças nos comportamentos coletivos nos momentos com e sem posse de bola. Para o efeito, analisou-se um jogo de futebol de sete do escalão de formação sub-14. Os resultados evidenciaram diferenças significativas entre os momentos com e sem posse de bola no que se refere ao espaço ocupado pelas equipas A (F(1, 1506)= 8.31, p= 0.004, η²= 0.005, Power= 0.82) e B (F(1, 1506)= 37.66, p= 0.001, η²= 0.024, Power= 1.00), às triangulações efetivas entre jogadores nas equipas A (F(1, 1506)= 1343.89, p= 0.001, η²= 0.472, Power= 1.000) e B (F(1, 1506)= 968.50, p= 0.001, η²= 0.391; Power= 1.00) e à progressão do centroid nas equipas A (F(1. 1506)= 11.79, p= 0.001, η²= 0.008, Power= 0.93) e B (F(1, 1506)= 9.43, p= 0.001, η²= 0.006, Power= 0.87). Conclui-se com o presente trabalho que as métricas de avaliação coletiva possibilitam uma identificação de relações espá- cio-temporais entre jogadores, identificando uma expansão maior das equipas na situação com posse de bola, bem como, o avanço do ponto médio da equipa. Palavras-chave: comportamento coletivo, futebol, análise de jogo, métricas de avaliação

Endereço: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1646-107X2014000100003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.