Análise Longitudinal do Impacto de Um Programa de Treinamento Físico Generalizado na Potência Aeróbia Máxima, na Flexibilidade e na Resistência Muscular de Homens de Meia-idade

Por: , Luis Antonio Céspedes Teixeira, Luiz Claudio Rossi e Rômulo Cássio de Moraes Bertuzzi.

Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte - v.5 - n.2 - 2006

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi determinar os efeitos de um programa de exercícios físicos generalizados, durante sete anos, na capacidade aeróbia (CA), flexibilidade (FL) e resistência muscular (RM) em homens de meia-idade. Quarenta e três adultos (54±6 anos) foram divididos em três grupos de acordo com a variável estudada: CA (n = 16); FL (n = 14); e RM (n = 13). Os sujeitos foram avaliados anualmente através dos testes de 12 minutos (CA), sentar e alcançar (FL), e flexão e extensão de cotovelos (RM). A RM avaliada no início do treinamento foi estatisticamente inferior à do quarto (p = 0,015), à do sexto (p = 0,040) e à do sétimo ano (p = 0,011). Por outro lado, a FL sofreu uma redução significante do primeiro para o sétimo ano de treinamento (p = 0,008). Já a CA teve uma redução somente no quinto (p = 0,045), no sexto (p = 0,011) e no sétimo ano (p < 0,01) quando comparados ao início do programa de treinamento. Este trabalho sugere que a participação em um programa bi-semanal de atividade física generalizada parece não se constituir como um estímulo suficiente para proporcionar acréscimos ou atenuar a redução da CA e da FL, mostrando-se, porém, efetiva no que diz respeito à RM, induzindo alterações que podem promover ganhos significativos nesta capacidade.

Endereço: http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/remef/article/view/1291

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.