Análise de Parâmetros Bioquímicos Séricos e Urinários em Atletas de Meia Maratona

Por: Andiara Luvisoni, Iandra Dall Agno, Jose Claudio Fonseca Moreira, Lauren Fillai, Leandro Costa, Luciano de Oliveira Siqueira, Paula Tibbola e Tiane Muccini.

Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia - v.53 - n.7 - 2009

Send to Kindle


Resumo

OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi analisar marcadores bioquímicos como marcadores de desempenho atlético, à luz de um contexto clínico e atlético.

MÉTODOS: Foram coletadas amostras de sangue periférico (8 mL) e de urina (50 mL) de 20 maratonistas profissionais em repouso e 15 minutos após meia maratona. Em seguida, realizaram-se hemograma, exame de urina e análise de marcadores bioquímicos de função renal, lesão muscular e lipidograma.
RESULTADOS: A análise estatística dos resultados mostrou um aumento significativo (p < 0,05) na atividade sérica das enzimas CK, CK-MM, CK-MB e LDH; na concentração sérica de creatinina, ferro sérico, leucócitos e neutrófilos. Por outro lado, triglicérides, VLDL e ácido úrico sérico apresentaram um decréscimo significativo.
CONCLUSÃO: O presente estudo mostra que os atletas analisados apresentam alterações nos parâmetros bioquímicos de sangue e urina após uma prova dessa modalidade, o que demonstra a importância da realização de exames laboratoriais como forma de diagnóstico de distúrbios bioquímicos silenciosos.

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-27302009000700008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.