Análise de Um Teste Específico Para o Judô

Por: .

Kinesis - v.2 - n.21 - 1999

Send to Kindle


Resumo

Este estudo analisou um teste específico para o judô. O protocolo e os pressupostos para sua elaboração são apresentados e considerados baseados na literatura. Quatro estudos foram conduzidos para verificar: (1) sua reprodutibilidade (n = 5); (2) seu relacionamento com o teste de Wingate em judocas masculinos (n = 6) e femininos (n = 8); (3) a concentração de lactato e o desempenho de judocas Juvenis (n = 6) e Adultos (n = 6); (4) sua sensibilidade a 3 meses de treinamento (n = 4). Constatou-se que: (1) existiu boa reprodutibilidade das variáveis analisadas no teste (Coeficiente de correlação intra-classe entre 0,73 e 0,93); (2) houve boas correlações entre as principais variáveis deste teste e as do Wingate (Coeficiente de correlação de Pearson entre 0,82 e 0,94); (3) houve diferença nas concentrações de lactato após o teste entre os grupos (Juvenis = 8,2 ± 3,5 mM e Adultos = 10,7 ± 2,3 mM; p < 0,05); (4) o índice proposto foi sensível à mudança no nível de treinamento (Pré = 15,15 ± 1,74; Pós = 13,28 ± 0,84; p < 0,05). Concluiu-se que o mesmo pode ser um meio de avaliar judocas com movimentos e estrutura específicos da modalidade.

Endereço: http://cascavel.ufsm.br/revistas/ojs-2.2.2/index.php/kinesis/article/view/8123

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.