Anjos & Cronistas: Dybbukim Entre a Ditadura e o Futebol

Por: Breno Pauxis Muinhos.

94 páginas. 2015 24/02/2015

Send to Kindle


Resumo

A presente pesquisa tem por objetivo analisar os antagonismos percebidos nas crônicas esportivas escritas pelo poeta Carlos Drummond de Andrade e pelo dramaturgo Nelson Rodrigues, publicadas em duas antologias post-mortem, Quando é dia de futebol, organizada por dois netos do poeta mineiro, e À sombra das chuteiras imortais, uma seleção feita por Ruy Castro. Os antagonismos são discutidos no trabalho ao apontar para as opiniões dos autores, quanto aos rumos da política nacional e da sociedade brasileira no período da Ditadura Civil-Militar; aqui percebidos na visão crítica das obras como anjos modernos e categorizando-as como dybbukim literários, a partir de reflexões sugeridas em História & Modernismo de Mônica Velloso e O anjo da história de Walter Benjamin. Para tanto, realizar-se-á uma breve discussão sobre o gênero crônica, alguns traços de sua origem no Brasil, bem como a relação entre crônica, jornalismo e Literatura. Além de uma exposição sobre estudos acerca de crônicas esportivas escritas por literatos, como Coelho Neto e Lima Barreto, e discussões que tratam do conceito de Moderno e do Modernismo; por fim, selecionaram-se algumas das crônicas dos dois autores sobre futebol e política, em que se exemplificam as categorizações propostas.

Endereço: http://repositorio.ufpa.br/jspui/handle/2011/8166

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.