Apontamentos Sobre Educação Integral, Programa Mais Educação, Programa Segundo Tempo e Educação Física Escolar

Por: Mackson Luiz Fernandes da Costa.

2015 04/02/2015

Send to Kindle


Resumo

Diante do atual contexto educacional do Brasil a temática da educação integral tem recebido destaque, tendo como política indutora, na atualidade, o Programa Mais Educação. Nesse sentido, a presente dissertação enfoca as vertentes de educação integral que surgiram na história do país até chegar ao Programa Mais Educação, bem como tece algumas reflexões sobre como a educação física se apresenta no âmbito das intenções de institucionalização da Educação Integral no Brasil. Assim, temos como objetivo geral discutir a configuração pedagógica do Programa Segundo Tempo (PST) no Programa Mais Educação, bem como apontar possibilidades de integração de suas ações com a Educação Física escolar. Na metodologia foi adotada o estudo de caso, tendo como o caso as escolas acompanhadas pela Equipe Colaboradora 3 do Ministério do Esporte, usando como fonte de evidência o primeiro protocolo de avaliação realizado pelas Equipes Colaboradoras de Acompanhamento Pedagógico e Administrativo do Segundo Tempo no Brasil, especificamente as avaliações realizadas pela Equipe Colaboradora 3 (EC3), vinculada ao Departamento de Educação Física da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, a qual acompanhou os convênios do Programa Mais Educação nos municípios de Bayeux/PB, Araruna/PB, Natal/RN e Parnamirim/RN, no ano de 2012.  No caso estudado percebe-se que as atividades desenvolvidas pelo PST, nas escolas acompanhadas, têm uma organização e práticas pedagógicas que convergem umas com as outras, mas se configuram com práticas desarticuladas das aulas de Educação Física, aspecto que diverge no que seria pensar ações pedagógicas para escolas de educação integral.

Endereço: https://sigaa.ufrn.br/sigaa/public/programa/defesas.jsf?lc=pt_BR&id=5591

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.