Arte-educação e Estética: Uso de Mídias em Um Projeto Socioeducativo

Por: Denise Andrade de Freitas Martins e Murilo Ferreira Velho de Arruda.

VIII Colóquio de Pesquisa Qualitativa em Motricidade Humana

Send to Kindle


Resumo

A partir do encontro entre pesquisador/a, crianças e adolescentes de um projeto de extensão chamado Vivências em Atividades Diversificadas de Lazer, as palavras arte, estética, experiência e educação ganham um sentido específico. Sentidos contextuais que, neste trabalho, enfocarão nas relações com/permeadas pelas mídias, tecnologia, internet e celulares. Como então as pessoas deste projeto educaram e educaram-se? Tivemos como objetivo compreender melhor as relações entre estética, educação musical e mídias no contexto deste projeto de lazer. Este artigo é um desdobramento da pesquisa de doutorado em Educação (em andamento) cuja coleta de dados gerou 22 diários de campo que, após redução fenomenológica dos trechos selecionados conforme objetivo do artigo, foram agrupados nas seguintes categorias: A) Pá-pum pirulito pão-doce: Tempo-vida e vida-dinheiro; B) Eu tenho um canal no Youtube: Gravar, produzir e divulgar; C) Deixa para semana que vem, porque a bateria do meu celular está uma *: Quando o celular ajuda, quando o celular atrapalha. Cada categoria levou uma fala representativa das/o participante e este artigo discute exclusivamente a categoria C. Ponderamos que o uso das mídias em práticas educativas podem tanto integrar e complementar quanto inibir convívios e trocas de saberes, podem ser educativas no sentido de proporcionar experiências significativas e transformadoras e podem propor estéticas “novas” (linguagens artísticas mais recentes).

Endereço: http://cev.org.br/eventos/viii-coloquio-de-pesquisa-qualitativa-em-motricidade-humana

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.