As Artes Circenses na Educação Física Escolar Enquanto Conteúdo da Cultura Corporal: Suas Contribuições Para Desenvolvimento da Expressão Corporal e Criatividade

Por: Bruno Amaral Ramos.

152 páginas. 2016 25/02/2016

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo foi construído a partir de uma pesquisa de campo, de natureza qualitativa, realizada com alunos pertencentes ao 3° ano do curso técnico integrado de informática para internet do Instituto Federal de Goiás – Formosa. O problema que instigou esse trabalho foi: de que forma as artes circenses podem contribuir para o desenvolvimento da expressão corporal e da criatividade dos alunos nas aulas de Educação Física? O objetivo geral da pesquisa é identificar de que forma as artes circenses podem contribuir para o desenvolvimento da criatividade e da expressão corporal dos alunos nas aulas de Educação Física escolar. Os objetivos específicos são: aprofundar os conhecimentos sobre o histórico e as definições da Educação Física e das artes circenses; apresentar as possibilidades de utilização das artes circenses diante das diferentes abordagens pedagógicas da Educação Física; apresentar as contribuições das artes circenses para o desenvolvimento da criatividade e da expressão corporal e aprofundar os conhecimentos sobre metodologias de ensino, buscando aquelas que possam contribuir para o desenvolvimento da expressão corporal e da criatividade dos alunos da educação básica. Estudamos nesse trabalho, desde o histórico das artes circenses, do circo e da Educação Física, fazendo relações desses conteúdos com as principais abordagens pedagógicas dessa disciplina, perpassando os conceitos de expressão corporal e criatividade até chegar à pesquisa de campo, onde desenvolvemos uma intervenção pedagógica durante um bimestre letivo e trabalhamos os seguintes conteúdos: malabarismo com bolinhas e flower stick, rola-rola e cordas. Os instrumentos para coleta de dados foram a observação estruturada, os relatórios das aulas e o questionário. Podemos afirmar, a partir desse estudo, que um bom planejamento, aliado aos aspectos históricos dessas artes, que possuem na sua essência a liberdade de movimentos, a criatividade, a expressão corporal, bem como um bom processo de mediação, pautado no movimento de ação-reflexão-ação, possibilitará o desenvolvimento de uma Educação Física mais expressiva, criativa, crítica e humana. Desse modo, estaremos contribuindo para a formação de pessoas questionadoras com condições objetivas para se posicionarem a favor das classes sociais menos favorecidas, ao não reproduzirem os valores da sociedade capitalista: competição, exploração, dominação, valorização dos melhores, entre outros aspectos.

Endereço: https://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6724

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.