As Danças Orientais Como Proposta do (re) Viver, Representar e Reinventar no Envelhecimento

Por: Denise Ribeiro Santos das Chagas, Mariana Oliveira Rabelo de Castro, Rodrigo Vilela Farias, Rosa Maria de Oliveira Silva e Tereza Claudia Andrade Camargo.

XXI Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e VIII CONICE - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

INTRODUÇÃO 

A dança como uma proposta de reinventar o envelhecimento é o objeto desse estudo. A dança contempla a representação e o aprendizado - de coreografias, de novas culturas e de uma prática artística que é capaz de resgatar o feminino e implementar novos significados, tanto nos participantes como naqueles que atuam como expectadores. O estudo surgiu após a elaboração de uma Tese de doutoramento com idosos integrantes de uma Casa de Terapias Naturais e Práticas Corporais, localizada no bairro de Curicica – Rio de Janeiro, onde a autora abordou a reinvenção no envelhecimento pelas práticas integrativas.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.