As Novas Tecnologias nas Aulas de Educação Física: em Busca de Objetos de Aprendizagem

Por: Adriana Maria Paixão, , e Silva Cassola.

XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Diante dos avanços tecnológicos que marcaram a história da humanidade, as escolas
e Instituições de Ensino Superior (IES) tornaram-se essenciais para alunos e
professores refletirem sobre os recursos tecnológicos na educação e no dia-a-dia.
Ler e escrever nos dias de hoje pressupõem o uso de várias linguagens, códigos,
tecnologias e mídias: computador, televisão, rádio, internet, câmera digital, telefone,
cujas redes de comunicação permitem uma leitura e escrita crítica e reflexiva do
mundo. O objetivo deste trabalho foi analisar, segundo o referencial metodológico
da pesquisa-ação, a utilização das novas tecnologias nos cursos de preparação inicial
de professores e nas aulas de Educação Física (EF), considerando todos os objetos
de aprendizagem efetivamente implementados. O trabalho foi realizado por
professores-pesquisadores na Educação Básica (EB) da rede municipal de São Paulo
e IES privadas da região metropolitana. A estratégia de pesquisa consistiu na
interpretação de produções gráficas e imagens registradas em aulas na EB e
laboratórios didáticos nas IES. O computador foi uma ferramenta essencial na análise
dos dados, gerando hipertextos que puderam enriquecer o ensino. Editores de texto
e slides de apresentação proporcionaram ambientes de interação, pesquisa e
aprendizagem, nos quais os alunos se fundamentaram para elaborar conhecimentos
sobre as atividades executadas. Câmeras digitais foram utilizadas para captar imagens,
possibilitando apreciar, analisar, aprender, comparar, compreender, corrigir e refazer
seqüências de movimentos. Foram meios viáveis nas aulas de EF, permitindo a
apropriação de situações nas quais os órgãos dos sentidos seriam insuficientes. Tais
recursos permitiram aos professores já na preparação inicial desenvolver habilidades
e competências para as tecnologias da informação. Consideramos, portanto, que é
necessária a incorporação dessa proposta ao currículo das IES de forma permanente,
pois verificamos que os recursos podem ser utilizados efetivamente nas aulas de EF.
Concluímos que os professores tiveram mais possibilidades de desenvolver atividades
diversificadas, mas que houve uma limitação quanto aos objetos de aprendizagem
utilizados. Contudo, os conteúdos elaborados nas aulas analisadas conferiram
importância às 3 dimensões - atitudinal, procedimental e conceitual - articuladas em
4 blocos temáticos: elementos culturais, movimentos, aspectos pessoais e demandas
ambientais.

Endereço: http://citrus.uspnet.usp.br/eef/uploads/arquivo/71_Anais_349.pdf

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.